sábado, 6 de maio de 2017

ALÔ MINISTÉRIO PÚBLICO? COM O AVAL DO SECRETÁRIO DE SAÚDE, IAMAX PRADO, ÔNIBUS ALUGADO SEM LICITAÇÃO PARA FAZER O TRANSPORTE DE DOENTES (TFD) DA CIDADE DE ITAITUBA PERTENCE A UM SERVIDOR LOTADO NO GABINETE DO PREFEITO VALMIR CLIMACO

Ônibus alugado para fazer o transporte de doentes pertence a um servidor público lotado 
no gabinete do prefeito

Pouco mais de 100 dias de mandato e o atual Prefeito Valmir Climaco já anda dando trabalho aos Promotores e Procuradores da República devido as várias irregularidades já praticadas na Prefeitura de Itaituba.

A recente é a contratação sem licitação de um ônibus que pertence a um Servidor Público lotado no Gabinete do prefeito como chefe da divisão de circunscrição de trânsito do município de Itaituba para fazer o transporte de pacientes para a cidade de Santarém, com utilização de recursos federais.

Dados do servidor no Portal da Transparência

No dia 23 de abril de 2017 a página oficial da Prefeitura de Itaituba na internet publicou a informação de que os pacientes do Programa TFD teriam transporte exclusivo, contendo na imagem um ônibus Placa QDD-1206.

Consulta do ônibus no site do DETRAN
(CLICK NA IMAGEM PARA AMPLIAR)

Em consulta ao site do Detran, constatou-se que o veiculo Placa: QDD1206, Renavam: 1058975207, Tipo de Veículo: ONIBUS, Cor: PRATA, ano 2015, pertence a ELIZEU ARAUJO DOS SANTOS.

Em consulta ao Portal da transparência da Prefeitura de Itaituba, descobriu-se que ELIZEU ARAUJO DOS SANTOS é o CHEFE DE DIVISÃO DE TRÂNSITO da COMTRI e não poderia em hipótese alguma ter contrato com o órgão em que desempenha uma função pública.

Site da prefeitura de Itaituba anunciando o novo serviço

Se não bastasse, circulou em alguns grupos da cidade de Itaituba, que a licitação para a contratação do ônibus ainda iria ocorrer, com data marcada para o dia 08 de maio, com quantia mensal de R$ 19.666,66, existindo forte suspeita de direcionamento ou mesmo contratação de empresa de fachada para mascarar a real contratação do ônibus pertencente ao Chefe da Comtri.

Tudo isso com o aval do secretário de saúde do município, Iamax Prado e do prefeito Valmir Climaco, que já demostrou não ter medo da burlar as leis e nem da Justiça. 

A intenção do prefeito Valmir de alugar um ônibus foi boa, ele diminui os custos, pois antes quem fazia o serviço de transporte era uma lancha que faturava bem alto com o governo passado. Mas diminuir os custos para fazer o errado não adianta nada. O prefeito Valmir tem que aprender a respeitar as leis e saber que hoje não é como há 20 anos atrás. Do jeito que o prefeito está governando, não tenho dúvidas que o vice vai terminar esse governo.

Espero que após a confirmação da denúncia acima,  o Ministério Público busque responsabilizar os envolvidos, podendo os mesmos perder os cargos e devolver aos cofres da Prefeitura os valores já pagos.

JK

Nenhum comentário:

Postar um comentário