SAIRÉ 2018

SAIRÉ 2018

quinta-feira, 19 de julho de 2018

ESTELIONATO, DESPEJO E SALÁRIOS ATRASADOS. A RÁDIO E TV GUARANY QUE UM DIA FOI ORGULHO DOS SANTARENOS, VIVE A PIOR CRISE DA SUA HISTÓRIA SOB O COMANDO DA SENHORA APARECIDA SERIQUE

Rádio e TV Guarany vive a sua pior crise

A radio e TV Guarany passa pela sua pior crise nestes 37 anos de existência, inaugurada no início dos anos 80 pelos irmãos Milson e Ademir Pereira, a rádio Guarany já deu muitas alegrias e orgulho ao povo santareno e viveu dias de muitos sucesso. Hoje a história é totalmente diferente, sob a gerência da senhora Aparecida Serique, a rádio e TV Guarany vem descendo ladeira abaixo, em decadência e com muitas dividas, principalmente ações trabalhistas, onde tem funcionários que estão há três meses com salários atrasados e insatisfeitos com a atual direção, além disso a senhora Aparecida Serique responde processo na justiça por estelionato, pois vendeu a emissora há 6 anos atrás por R$ 3 milhões de reais ao empresário Moacir Ciesca, que pagou e não recebeu, hoje o empresário briga na justiça para rever seu dinheiro de volta com juros. O inferno astral piorou nas últimas semanas, quando a família Pereira ganhou na justiça o direito sobre o prédio onde funciona a emissora e já acionou a mesma na justiça para sair do prédio. 

Isso tudo poderia não está acontecendo, se a senhora Aparecida Serique tivesse cumprido a venda e entregado a rádio e TV Guarany para os verdadeiros donos. Deus vê tudo, ele pode tardar mais nunca falha. Aqui se faz aqui se paga. 

Espero que um dia essa novela acabe e a rádio e TV Guarany volte para o lugar que merece, o TOPO. 

JK

Nenhum comentário:

Postar um comentário